A Importância da Doação de Medula Óssea

A Importância da Doação de Medula Óssea

O TRANSPLANTE DE MEDULA ÓSSEA é a única esperança de cura para muitas doenças do sangue, mas para que seja possível a sua realização é necessário que haja compatibilidade entre o doador e a pessoa doente. A cada cem mil pacientes, apenas um doador é compatível. Devido a essa estatística, quanto mais doadores houver, maiores serão as probabilidades de compatibilidade entre as pessoas. 

Daí a importância de campanhas como Fevereiro Laranja que incentivam a doação de medula óssea e frisam sobre a sua importância para toda a população.

O QUE É MEDULA ÓSSEA? É um tecido líquido-gelatinoso que ocupa o interior dos ossos, sendo conhecido popularmente por “tutano”. Na medula óssea são produzidos os componentes do sangue: as hemácias (glóbulos vermelhos), os leucócitos (glóbulos brancos) e as plaquetas. 

O QUE É O TRANSPLANTE DE MEDULA ÓSSEA? É um tipo de tratamento proposto para algumas doenças que afetam as células do sangue. O objetivo é reconstituir as funções da medula óssea da pessoa doente através das células normais retiradas da medula óssea saudável de um doador .

COMO SER UM DOADOR? É preciso ter entre 18 e 55 anos de idade e ter boa saúde. O candidato a doador deverá procurar o hemocentro mais próximo de sua casa para se cadastrar. Neste local você será orientado e poderá tirar as suas dúvidas. Em seguida, será feita a coleta de uma amostra de sangue para realizar os testes de compatibilidade. Os dados do doador são inseridos no cadastro do REDOME (Registro Nacional de Doadores Voluntários de Medula Óssea). Uma vez confirmada a compatibilidade para doação, o doador será consultado para decidir sobre o ato. 

Fonte: INCA/ REDOME

A doação de medula óssea é um gesto de amor que salva vidas. Doe esperança, doe medula óssea ❤️❤️

O Laboratório LAPAC apoia essa causa!

Contato do Hemocentro de Dourados-MS: 
Tel: (67) 3424-0400/ E-mail: hemocentrodourados@hemosul.ms.gov.br

Share this post